Algures

Aquele que me habita, e escreve, vive algures numa espécie de treva.

Palavras | Al Berto (O anjo mudo)

Fotografar palavras #1823

“Fim

“No dia que fecharem
os teus olhos,
virão os amigos
as palavras doces

a escuridão
terra fria

No dia que fecharem
os teus olhos,
choros inundarão rios
fogos te consomem

teus
sonhos se extinguem

os olhos são vida
e morre a vida
no dia que fecharem
os teus olhos.”

Texto | Jorge Gomes Pereira
Foto | Ana Gilbert

Ser

“Sou mais aquilo que em mim não é.”

Palavras | Clarice Lispector (A paixão segundo G. H.)